O Spinner é mais que um brinquedo da moda. Você sabia que o Spinner pode ser utilizado em sessões de terapia, por ser um estímulo tátil?  O spinner estimula a coordenação óculomanual. Na verdade, brinquedos assim  estão disponíveis para crianças há algum tempo.
Além de diminuir o estresse e aumentar o foco, o brinquedo aumenta a consciência corporal dos dedos e mãos, através de uma entrada proprioceptiva, pois mantem os dedos em ativa. Ele também pode proporcionar uma maneira divertida de fortalecer os dedos antes do treino de escrita e de estimulação de habilidades motoras finas.
Para dar movimento a um spinner, a criança precisa segurar o centro do brinquedo com o polegar e o dedo indicador e, em seguida, usa a outra mão (ou outros dedos na mesma mão) para fazer girar. Uma vez que está girando, há como variar as brincadeiras como equilibrar o spinner em um polegar.
Não é demais! imagina você equilibrar um objeto em movimento na mão, isso exige manter contato visual, e fazer truques, é muito do que torna os spinners divertidos. Assim como as bolas sensoriais, o spinner pode ser uma boa escolha de recursos em uma terapia de integração sensorial.
Sobre a questão de manter o foco, quantas vezes você se pegou mordendo a tampa de uma caneta, ou o lápis para se concentrar? Isto é uma questão de necessidade sensorial, uma busca de entrada tátil.
Uma coisa que muitas vezes vejo por ai são as pessoas mexendo com um objeto na mão para ajuda-los a manterem focados quando fazem uma longa reunião ou estão em sala de espera, já observou?
Fora isso o que se vê muito, é outro tipo de necessidade sensorial, como roer unhas, torce o cabelo, ranger os dedos, o brinquedo spinner foi um achado para aqueles que precisam de uma entrada sensorial.
Então antes de você pensar que é um brinquedo da moda, e que virou mania, olhe por este ponto de vista educativo, ta.
E me diga aqui, você tem alguma mania para manter o foco ou ficar menos estressado? Quero saber nos comentários.

Crie e brinque,

 

Raquel Jaskulski.

“Mais que uma terapeuta ocupacional, eu sou uma mãe assim como você”

Dedique também este post a um amigo ou amiga que precisam desta informação, deixe nos comentários, compartilhe!

Instagram @mamaecriaebrinca

Facebook | mamãe cria e brinca